quinta-feira, 22 de março de 2012

Ui, que sensivelzinho...!

Pai faz queixa de "Viva o Benfica"


A minha filha canta essa letra no ATL, já a cantou nos infantários por onde andou e isso não quis dizer nada! Mais: diz-se "Por amor de Deus!", "Ai, Jesus!" e "Por amor da santa (quem quer que a santa seja...)" e estamos num estado LAICO!
E dar educaçãozinha em casa, não? Pois. Que pena!










É um porco fino
Um porco muito fino
Ele é um porco fino
Pequenino e é simpático



É um porco fino
É um porco muito fino
Ele é um porco fino
Esperto e fora do vulgar

Ele é um porco! Viva o Porto!


Já está contentinho?

12 comentários:

  1. Filho meu que diga viva o benfica é deserdado na hora! E se aprender isso no infantário, para além de pedir uma indminização ainda sou capaz de furar uns quantos pneus às educadoras!! ;)

    (estava a brincar na parte de furar pneus, mas a falar a sério na parte de o deserdar!!)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. lololololol Olha, clubismos à parte...acho esta coisa toda um exagero! Sempre houve rivalidades clubísticas, não as tornem em bairrismos pouco saudáveis! Antes do Porto chegar às luzes da ribalta, eu lembro-me perfeitamente que, na minha escola primária, havia estas coisas de se inventarem letras com o viva o Benfica e viva o Sporting e ninguém se chateava com isso, ora essa! São coisas de miúdos!

      Eliminar
    2. Claro que sim! Como bem referiste, por esta ordem de ideias, seria proibido fazer referencia a Deua, sem fazer a Alá, e aos outros todos...
      Mas lá que "viva o benfica" não tem piada nenhuma, não tem (depois admiram-se que as crianças fiquem traumatizadas e se metam na droga!) ;) Que fique a PULGA MALDITA!

      Eliminar
  2. Cá em casa, a palavra Benfica é interdita, sob pena de electrocussão imediata. Porto também! (excepto se se estiver a referir a cidade :) )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Credo! Estou em terreno minado! lolololololololololololollll

      Eliminar
  3. Aqui em casa é toda a gente de quem ganhar...estamos em pazzzz...sempre felizes...(excepto quando é o mundial --')

    ResponderEliminar
  4. Outro pormenor sórdido desta história: para o pai em questão é mais ofensiva a parte da cantilena que se refere ao Benfica do que aquela que incita aos maus tratos aos animais - "atirei o pau ao gato". Sem comentários!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pára tudo: é uma questão de prioridades: o que é que é mais grave? Dizer Viva o benfica ou um atirar um pau a um gato...toda a gente sabe que os gatos são animais deveras irritantes (na época do cio, então!)...e para além disso, e como a própria canção diz uma pessoa atira-lhes com um pau, mas eles não morrem! ;)

      Eliminar
    2. É verdade: então os que tenho lá em casa, que de um momento para o outro resolveram arranhar o sofá todo, é que nem a pau! lololololololol

      Eliminar
  5. Ah, Ana, nem vou referir os outros comentadores e o deserdar e tal e coisa, mas nem imaginas o que me ri ontem com isto. E sou benfiquista com muito gosto, não estás sozinha. Nem deserdo o meu filho que é sportinguista (contra pai e mãe), por via de uma educadora do mesmo género, se bem que não se lembrasse de uma canção "motivadora" como essa... :)))

    Bom fim de semana para ti!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como em tudo na vida deve haver bom senso. E levar estas pequenas coisas a casos de polícia é ridículo!

      Eliminar